segunda-feira, 6 de setembro de 2010

Mordecai e Hamã. (história da rainha Ester)

Olá gente boa e bonita, tudo beleza?!
Como foi o findi de vocês?! O nosso foi muito bom!
No Sábado, o Renato trouxe a mensagem, e começou contando a história do Rei ASSUERO


E o que um rei precisa pra ser rei?!



Um reinado, é claro!


Alguns $$



E uma rainha (de preferência bonita, rsrsrs)



E o livro de ESTER (Bíblia, não o seriado que passou na Record)
Fala da história desse Rei Assuero. Mas hoje, vamos destacar outros dois personagens: Mordecai (ou Mardoqueu, conforme algumas traduções trazem) e Hamã.


O Livro de Ester possui 10 capítulos (depois vc pode lê-los com calma), vamos aqui resumir um pouco do que se passa do capítulo primeiro ao oitavo.

Nos dias de Assuero, o Assuero que reinou, desde a Índia até à Etiópia, sobre cento e vinte e sete províncias, naqueles dias, assentando-se o rei Assuero no trono do seu reino, que está na cidadela de Susã, (Ester 1:1-2)

O Rei Assuero era muito famoso pelas suas riquezas e pela províncias que tinha em suas mãos. Ele também tinha uma rainha muito bonita chamada Vasti. E certo dia, o rei deu um grande banquete... e chamou para que a rainha se apresentasse no banquete real, exibindo toda a sua beleza, mas ela recusou porque também estava dando um banquete para as mulheres do reino. O rei ficou furioso com isso. E um conselheiro lhe disse que deveria fazer decreto, tirando Vasti de seu reinado, porque como poderia a rainha rejeitar o ordenamento do rei? As outras mulheres poderiam fazer o mesmo. Assim se fez. Vasti saiu de sua realeza, e foi publicado em todas as províncias de Assuero que estava a procura de uma rainha, que todas as moças belas e virgens deveriam se apresentar ao rei, para que as mais belas fossem selecionadas e pasassem por um tratamento de beleza.

A moça que cair no agrado do rei, essa reine em lugar de Vasti. Com isto concordou o rei, e assim se fez. Ora, na cidadela de Susã havia certo homem judeu, benjamita, chamado Mordecai, filho de Jair, filho de Simei, filho de Quis, que fora transportado de Jerusalém com os exilados que foram deportados com Jeconias, rei de Judá, a quem Nabucodonosor, rei da Babilônia, havia transportado. Ele criara a Hadassa, que é Ester, filha de seu tio, a qual não tinha pai nem mãe; e era jovem bela, de boa aparência e formosura. Tendo-lhe morrido o pai e a mãe, Mordecai a tomara por filha. (Ester 2: 4-7)


Ester foram criada por Mordecai. E foi uma das moças chamadas para ser candidata a futura rainha e ficou sobre os cuidados de um eunuco, e ela lhe pareceu formosa perante seus olhos, recebendo uma atenção especial. Ester não declarou seu povo nem sua linhagem, pois era judia, como lhe aconselhou Mordecai. Depois de dez meses de tratamento com óleos, Ester foi levada a presença do Rei.

O rei amou a Ester mais do que a todas as mulheres, e ela alcançou perante ele favor e benevolência mais do que todas as virgens; o rei pôs-lhe na cabeça a coroa real e a fez rainha em lugar de Vasti. (Ester 2: 17)


Depois de Ester se tornar rainha, Mordecai estava assentado a porta do Rei, e ouviu uma conversa de que alguns eunucos planejavam matar o rei, e fez essa notícia chegar aos ouvidos de Ester que comunicou isso ao Rei, e por fim o Rei fez que esses eunucos que planejavam sua morte, fossem mortos. O feito de Mordecai ficou registrado num livro de crônicas do reino.

Depois destas coisas, o rei Assuero engrandeceu a Hamã, filho de Hamedata, agagita, e o exaltou, e lhe pôs o trono acima de todos os príncipes que estavam com ele. Todos os servos do rei, que estavam à porta do rei, se inclinavam e se prostravam perante Hamã; porque assim tinha ordenado o rei a respeito dele. Mordecai, porém, não se inclinava, nem se prostrava. (Ester 3:1-2)


Hamã só estava abaixo da autoridade do Rei, e todos deveriam se prostar perante ele. Mas Mordecai não fazia isso. Acredito que talvez ele guardasse o mandamento "não adorarás outros deuses a não ser o Senhor". Hamã ao saber disso encheu-se de raiva.

Vendo, pois, Hamã que Mordecai não se inclinava, nem se prostrava diante dele, encheu-se de furor. Porém teve como pouco, nos seus propósitos, o atentar apenas contra Mordecai, porque lhe haviam declarado de que povo era Mordecai; por isso, procurou Hamã destruir todos os judeus, povo de Mordecai, que havia em todo o reino de Assuero. (Ester 3: 5-6)

Ó e agora?! O que será do povo judeu?! Hamã tinha de comunicar isso ao rei, e começou dizendo que havia um povo que não obedecia as suas ordens, e pediu para que eles fossem mortos, e Hamã pagaria ao rei uma quantia em $ por cada judeu morto. O rei interessado na proposta, aceitou e decretou isso. E Hamã, enviou uma carta a todas as províncias do reino o comunicado. Quando Mordecai ficou sabendo do assunto, encheu-se de tristeza e vendo Ester o pranto dele, quiz saber o que havia acontecido.

Mordecai lhe fez saber tudo quanto lhe tinha sucedido; como também a quantia certa da prata que Hamã prometera pagar aos tesouros do rei pelo aniquilamento dos judeus. Também lhe deu o traslado do decreto escrito que se publicara em Susã para os destruir, para que o mostrasse a Ester e a fizesse saber, a fim de que fosse ter com o rei, e lhe pedisse misericórdia, e, na sua presença, lhe suplicasse pelo povo dela. Tornou, pois, Hataque e fez saber a Ester as palavras de Mordecai. Então, respondeu Ester a Hataque e mandou-lhe dizer a Mordecai: Todos os servos do rei e o povo das províncias do rei sabem que, para qualquer homem ou mulher que, sem ser chamado, entrar no pátio interior para avistar-se com o rei, não há senão uma sentença, a de morte, salvo se o rei estender para ele o cetro de ouro, para que viva; e eu, nestes trinta dias, não fui chamada para entrar ao rei. Fizeram saber a Mordecai as palavras de Ester. (Ester 4: 7-10)


Mordecai clama para que Ester na condição de rainha faça alguma coisa. Ester sabia que se entrasse na presença do rei sem ser chamada, morreria. Então disse para que o povo judeu jejuasse e orasse por três dias em favor dela, para que assim, pudesse entrar na presença do Rei.
Após esse período, Ester se vestiu com a vestes reais e foi falar com Rei. Ao vê-la, ela alcançou graça aos seus olhos e mandou que entrasse e disse: " Que é o que tens, rainha Ester, ou qual é a tua petição? Até metade do reino se te dará." E Ester disse que havia preparado um banquente para o Rei e para Hamã, e que se fosse do agrado do Rei,se fizesse presente naquele banquete. O Rei e Hamã foram ao banquete, e novamente perguntou a Ester: "Qual é a tua petição? E se te dará. Que desejas? Cumprir-se-á, ainda que seja metade do reino." E Ester respondeu: "se achei favor perante o rei, e se bem parecer ao rei conceder-me a petição e cumprir o meu desejo, venha o rei com Hamã ao banquete que lhes hei de preparar amanhã, e, então, farei segundo o rei me concede."
Ester não disse de cara o que ela queria. Ela foi sábia e teve paciência.

Saíndo do banquete, Hamã encheu-se de orgulho, por ser o único príncipe a ser convidado junto ao Rei para o banquete. E saíndo do de lá viu Mordecai e encheu-se de raiva. Quando chegou na sua casa, contou o ocorrido para seus familiares, e contou da raiva que tinha de Mordecai. Então lhe aconselharam para construir uma forca para matar esse judeu, e durante o jantar que fizesse esse pedido ao rei. E assim aconteceu, a forca foi construída no dia seguinte.

Na mesma noite o rei não conseguia dormir, e pediu pra que lhe trouxessem o livro de crônicas, dos feitos memoráveis. E achou-se escrito o feito de Mordecai, quando ele havia denunciados os eunucos que haviam planejado a morte do Rei. E Assuero intrigado perguntou se alguma honra foi dada a esse homem, e nada honroso havia lhe ocorrido.

Então, disse o rei: Que honras e distinções se deram a Mordecai por isso? Nada lhe foi conferido, responderam os servos do rei que o serviam. Perguntou o rei: Quem está no pátio? Ora, Hamã tinha entrado no pátio exterior da casa do rei, para dizer ao rei que se enforcasse a Mordecai na forca que ele, Hamã, lhe tinha preparado. Os servos do rei lhe disseram: Hamã está no pátio. Disse o rei que entrasse. Entrou Hamã. O rei lhe disse: Que se fará ao homem a quem o rei deseja honrar? Então, Hamã disse consigo mesmo: De quem se agradaria o rei mais do que de mim para honrá-lo? E respondeu ao rei: Quanto ao homem a quem agrada ao rei honrá-lo, tragam-se as vestes reais, que o rei costuma usar, e o cavalo em que o rei costuma andar montado, e tenha na cabeça a coroa real; entreguem-se as vestes e o cavalo às mãos dos mais nobres príncipes do rei, e vistam delas aquele a quem o rei deseja honrar; levem-no a cavalo pela praça da cidade e diante dele apregoem: Assim se faz ao homem a quem o rei deseja honrar.
Então, disse o rei a Hamã: Apressa-te, toma as vestes e o cavalo, como disseste, e faze assim para com o judeu Mordecai, que está assentado à porta do rei; e não omitas coisa nenhuma de tudo quanto disseste. (Ester 6:3-10)


Hamã teve um grande susto naquele momento! Já imaginaram? Ele estava se preparando para avisar ao rei que gostaria de enforcar Mordecai, mas o rei fala que gostaria de honrar o mesmo homem que ele queria matar. E lá estava Hamã puxando o cavalo em que Mordecai estava sentado. Eu fico imaginando a cara de nojo que Hamã fazia naquele momento! (rsrsrs)

Passado isso, chega a hora do banquete! E o rei faz a mesma pergunta a rainha: "Qual é a tua petição, rainha Ester? E se te dará. Que desejas? Cumprir-se-á ainda que seja metade do reino." E Ester, finalmente responde o que tanto desejava:

Então, respondeu a rainha Ester e disse: Se perante ti, ó rei, achei favor, e se bem parecer ao rei, dê-se-me por minha petição a minha vida, e, pelo meu desejo, a vida do meu povo. Porque fomos vendidos, eu e o meu povo, para nos destruírem, matarem e aniquilarem de vez; se ainda como servos e como servas nos tivessem vendido, calar-me-ia, porque o inimigo não merece que eu moleste o rei. Então, falou o rei Assuero e disse à rainha Ester: Quem é esse e onde está esse cujo coração o instigou a fazer assim? Respondeu Ester: O adversário e inimigo é este mau Hamã. Então, Hamã se perturbou perante o rei e a rainha. (Ester 7: 3-6)

E agora Hamã?!
Ele estava em maus lençóis agora (rsrs). Ester revelou o que tanto desejava, e também a sua descendência. O rei escutou o pedido da rainha.

Então, disse Harbona, um dos eunucos que serviam o rei: Eis que existe junto à casa de Hamã a forca de cinqüenta côvados de altura que ele preparou para Mordecai, que falara em defesa do rei. Então, disse o rei: Enforcai-o nela. (Ester 7:9)

Naquele mesmo dia, deu o rei Assuero à rainha Ester a casa de Hamã, inimigo dos judeus; e Mordecai veio perante o rei, porque Ester lhe fez saber que era seu parente.
Tirou o rei o seu anel, que tinha tomado a Hamã, e o deu a Mordecai. E Ester pôs a Mordecai por superintendente da casa de Hamã. Falou mais Ester perante o rei e se lhe lançou aos pés; e, com lágrimas, lhe implorou que revogasse a maldade de Hamã, o agagita, e a trama que havia empreendido contra os judeus. Estendeu o rei para Ester o cetro de ouro. Então, ela se levantou, pôs-se de pé diante do rei e lhe disse: Se bem parecer ao rei, se eu achei favor perante ele, se esta coisa é reta diante do rei, e se nisto lhe agrado, escreva-se que se revoguem os decretos concebidos por Hamã, filho de Hamedata, o agagita, os quais ele escreveu para aniquilar os judeus que há em todas as províncias do rei. Pois como poderei ver o mal que sobrevirá ao meu povo? E como poderei ver a destruição da minha parentela? Então, disse o rei Assuero à rainha Ester e ao judeu Mordecai: Eis que dei a Ester a casa de Hamã, e a ele penduraram numa forca, porquanto intentara matar os judeus. (Ester 8: 1-7)


Hamã morre. Mordecai assume seu lugar. E o povo de Ester não é destruído. A história não termina por aqui. Continue lendo o livro de Ester, ainda há mais dois capítulo. (rsrs)


* Mas para concluir:
Alguns personagens principais: Hamã e Mordecai. Eram muito diferentes. Hamã tinha orgulho próprio, era invejoso, buscava honras e riquezas para si e acabou se dando mal, enquanto Mordecai não buscava nem prata nem ouro, nem fama nem glória, e Deus o honrou. Não se preocupe diante das dificuldades de sua vida. Se não possui tudo o que desejas, busque a Deus, que a todos que possuem um coração reto recompensa de acordo com sua vontade e de acordo com o Seu tempo! O que é mais importante? Riquezas e honras num mundo que traça e ferrugem destroem ou riquezas e honras no céu onde nem prata nem ferrugem destroem?! Onde está o teu coração (♥) ali está o teu tesouro! Se preocupe e dedique tempo naquilo que realmente é importante, e não nas coisas passageiras!

Deus abençoe!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Oi! Valeu por participar! Vamos ler e responder seu comentário, volta aqui depois pra ler! Abração! DTA! =]